Criei este Blog para minha Mãe Cigana Rainha do Oriente, sendo uma forma de homenageá-la, bem como postar assuntos atuais e de caráter edificante, lindas mensagens, poesias de luz, também aqui brindemos á amizade verdadeira e elevemos o principal em nós ou seja a essência Divina, Deus e a Espiritualidade em geral.

quarta-feira, 17 de julho de 2013

CIENTISTAS SAEM Á CAÇA DE NÊMESIS, A TERRÍVEL COMPANHEIRA DO SOL!!!


Órbitas estranhas, eventos de extinção em massa, um planeta que não deveria estar aonde está, tudo leva a crer que o nosso Sol não seja uma estrela solitária afinal, mas que possua uma terrível companheira (Nêmesis, também conhecida como Estrela Negra ou Estrela da Morte) com a qual divide uma órbita extremamente alongada medindo entre 1 e 3 anos-luz, mas que na maior aproximação chegue próximo o suficiente para arremessar para dentro do Sistema Solar milhões de cometas e asteroides deslocados do cinturão de asteroides e cometas mais externo do nosso sistema planetário - A nuvem de Oort. Nêmesis teria no mínimo entre 3 e 5 vezes a massa de Júpiter e seria uma estrela anã castanha (ou estrela fracassada) praticamente indetectável no espectro visível, mas muito brilhante no infravermelho.






O satélite WISE da NASA, lançado em 2010 está mapeando todo o céu na faixa do infravermelho e os cientistas pretendem "apanhar" Nêmesis comparando duas imagens do satélite feitas em períodos diferentes. A primeira varredura do céu em infravermelho já foi feita e a segunda deverá ser concluída ainda este ano. Levará ainda mais um ano provavelmente, para que todos os dados do satélite WISE sejam analisados e um parecer sobre a existência ou não de Nêmesis seja dado.






Nêmesis, assim como o Sol, também possuiria um sistema de planetas, luas, cometas e asteroides. Um de seus planetas poderia ser o tão famoso e temido Nibirú, mas essa é outra história.


















Veja o post completo aqui: http://www.hipernovas.org/2012/11/cientistas-saem-caca-de-nemesis.html#ixzz2ZGpNCaPq
Read more at http://www.hipernovas.org/2012/11/cientistas-saem-caca-de-nemesis.html#1BpPIHu15DAbaUOW.99