Criei este Blog para minha Mãe Cigana Rainha do Oriente, sendo uma forma de homenageá-la, bem como postar assuntos atuais e de caráter edificante, lindas mensagens, poesias de luz, também aqui brindemos á amizade verdadeira e elevemos o principal em nós ou seja a essência Divina, Deus e a Espiritualidade em geral.

domingo, 28 de julho de 2013

MOSTEIRO SUSPENSO DE XUAN KONG SI - CHINA, ESPETACULAR!!!!


Na província de Shanxi, a 65 quilómetros a noroeste de Datong, na China fica o mosteiro suspenso de Xuan Kong Si, vulgarmente conhecido por mosteiro suspenso. Foi construído no ano de 491 d.C., sobre a vertente do desfiladeiro Jinlong, em cima da montanha Heng Shan, que é uma das cinco montanhas sagradas do Taoísmo e também uma das mais altas do país.

Fica a cerca de 50 metros do chão, ele parece uma miniatura sustentada por dezenas de pilares de madeira finos e compridos. Os pilares que sustentam os seus alicerces foram construidos em plena rocha. O local foi escolhido em respeito ao principio fundamental do Taoísmo: O mas absoluto silêncio !

Os edificios originais já foram destruídos por várias cheias mas o mosteiro em questão data da dinastia Qing. É composto por diverso pavilhões (cerca de 40 salas), que se fundem com o contorno natural da rocha e se unem com elas mediante corredores, pontes, escadas e passagens estreitas dependuradas na vertente.

Construído numa parte mais côncava, em cima do templo há um grande penhasco sobressalente, que ao vê-lo parece que pode cair a qualquer momento. Mas, na verdade, é ele que protege, como um enorme guarda-chuva, o templo das chuvas. Como há a distância do solo, as inundações nunca atingiram o templo.

E, os picos em volta do templo agem como biombos ou guarda-sóis e, mesmo em pleno verão, o templo fica exposto ao sol apenas três horas por dia. Por estas razões, o templo permanece intacto apesar de ter mais de 1.500 anos. Para visitar o templo, os turistas devem atravessar uma trilha suspensa, que é tão estreita que só é possível passar uma pessoa de cada vez.

Trata-se de um templo único, não apenas pela sua construção peculiar, mas porque igualmente encerra no seu interior, elementos budistas, taoístas e confucionistas. É o único onde se colocam conjuntamente estátuas de Sakyamuni, Laozi e Confúcio. Por isso, são veneradas neste templo divindades como Sakyamuni, fundador do budismo, Laozi do Taoísmo, e Confúcio do Confucionismo.







Fonte: ferias-paratodos