Criei este Blog para minha Mãe Cigana Rainha do Oriente, sendo uma forma de homenageá-la, bem como postar assuntos atuais e de caráter edificante, lindas mensagens, poesias de luz, também aqui brindemos á amizade verdadeira e elevemos o principal em nós ou seja a essência Divina, Deus e a Espiritualidade em geral.

quinta-feira, 18 de julho de 2013

AS PROFECIAS DO PAPA JOAO XXIII




As Profecias do Papa JOÃO XXIII (Turquia-1935).

“Emmanuel, através de Chico Xavier, respondendo a uma entrevista já publicada em livro nos diz que as profecias são reveladas aos homens para não serem cumpridas.

Que elas são na realidade um grande aviso espiritual para que nos melhoremos e afastemos de nós a hipótese do pior caminho profetizado, caso nada façamos”.

Thoth3126@gmail.com

Bendito, bendito, bendito.

Serão os jovens a aclamar-te novo Pai de uma Mãe que sorri. Os filhos de Milão. Dezesseis te contarão. Conservar-te-ão as mãos levantadas. A Virgem Maria estará próxima. A Virgem Maria que foi sacrificada. Nas suas palavras encontrarás o caminho, bendito, bendito, bendito. Serás pai de todos. Será difícil o inicio do caminho, caminhar em Roma em dias de sangue. Aclarar as brumas e os seus sepulcros. Dar Nome sagrado às coisas sagradas, dar nome profano às coisas profanas. Na tua casa receberás um santo descalço.



Livro de Pier Carpi com as profecias de JOÃO XXIII.

E deixarás à espera os poderosos de mãos desarmadas, rezando por ti. O Santo falará também por ti em cada região e do mundo brancas flores te envolverão. A tua será uma viagem de coragem, o grande desafio ao mundo e ao imundo príncipe do mundo. (O Anticristo) A quem te enviarem soldados tu oporás legiões e nunca voltarás com a tua palavra atrás.

Tornar-te-ás descalço e caminharás com o santo descalço. Quando divulgares a palavra de Maria Santíssima, fechar-se-a a tua única ferida. A mãe da Igreja será Mãe do mundo. Anjo tu serás chamado, bendito. Dois irmãos e nenhum será o verdadeiro Pai. A Mãe será viúva. Os irmãos do Oriente e do Ocidente matar-se-ão e no ataque matarão os seus filhos. Então descerá do monte o santo descalço e sacudirá o reino abençoado pela Virgem Santíssima.

Escutai as suas palavras. Maria santíssima, filha e Mãe de Deus, dona do tempo futuro (a energia feminina da Deusa), manda reunir os teus filhos que estão nos campos, para que abatam as duas Babilônias. E a Mãe seja uma só, como tu és única. A terra destruirá o cimento (e o asfalto, os shoping centers, as grandes cidades, enfim o PÃO E CIRCO, tão apreciado pela maioria) e da terra serás Rainha, a tua nova Igreja. E sobre a terra trigo, para a fome dos teus povos, flor sobre o seu novo altar. Amem.



Será grande e breve o teu reinado. Pai será breve, mas conduzir-te-à longe a terra distante onde nasceste e onde serás sepultado. Em Roma não quererão dar-te. E haverá outro Pai, antes de seres sepultados, para rezar por ti, pelas feridas da Mãe. Michael e João, o discípulo amado, descerão à terra. {No evangelho de João ele próprio profetisa esse fato e uma promessa é feita por Cristo. Leia o capítulo final desse evangelho e descubra uma verdade e uma profecia nele velada!!} )

As urnas abertas em lugares secretos sob o tesouro e descrobrir-se-ão os passos do primeiro homem. O grande irmão do Oriente (O Anticristo) fará tremer o mundo com a cruz virada sem lírios. O novo pai irá ao seu encontro, mas deixará a Mãe órfã. Mas antes, com as suas palavras de verdadeira ciência o segredo da arma que destrói as armas. Tempos de paz, e sobre a pedra alto será o nome de Alberto (Nobre, ilustre).

A longa paz fará esquecer os antigos erros. Fará esquecer o grande irmão crucificado de cabeça para baixo. Haverá guerra na Mãe e os seus rebanhos dispersar-se-ão. Então alguém gritará por sangue e será escutado. Desgraça para aquele que tiver gritado, o primeiro sangue a correr será o dele. Combaterão entre si a meia lua, a estrela e a cruz (Uma clara referência A UMA FUTURA GUERRA ENTRE o islamismo do crescente lunar, o judaísmo com a estrela de Davi e os católicos e sua cruz).

Alguém levantará a cruz preta. Do vale do Príncipe (O vale dos rios Tigre e Eufrates, no Iraque) chegarão os cavaleiros cegos. Atrás deles, os corvos da fome, da carestia, da peste. Para onde haveis de fugir, agora que destruístes as igrejas e matastes o último Pai? Esperai o sinal de João (o que foi o evangelista, hoje encarnado novamente como um guerreiro, o autor do livro do Apocalipse). O cordeiro está pronto. Fazei sete vezes o sinal da cruz com a mão cansada e esperai. A luz ainda vem do Ocidente. (do BRASIL)

Antes da ultima luz, os pastores terão reconhecido o sinal. E a igreja terá muitos Pais, todos os irmãos. Da terra e das águas sairão catedrais e templos em honra de antigos santos e de santos novos, de nome eterno. Mas já chegou a hora dos santos. Todos falarão a mesma língua. E falarão para orar à Virgem (à energia da Deusa, Feminina) e ao Salvador (o Cristo coletivo). O Reino de Deus chega a terra, ergue-se a sua cidade, mesmo para aqueles que não a quiseram. O primeiro Sol ilumina a balança do universo. Abri o vosso coração ao lírio.



A voz será poderosa, anunciada por trombetas. Luz do Ocidente última antes da Luz Eterna, desconhecida. A verdade será mais simples do que tudo quanto se tenha visto ou escrito. Será um bom juízo. Pai nosso, que estais no céu. Venha a nós o teu reino e seja feita a tua vontade no céu e na terra. Passaram-se vinte séculos, acrescentando a idade do Salvador. Amém. (vinte séculos são 2.000 anos mais 33, a idade de Cristo = ano de 2.033)

Eis o livro maldito, escrito (Nova doutrina religiosa que será implantada pelo Anticristo) por quem se odiava a si próprio e à sua raça. Eis o livro da mentira, do ódio, dos esgotos. Devido às tuas palavras muito morrerão sem compreender, sem conhecer o verdadeiro autor. Porque ele morreu há muito tempo. E quem encontrou esconde-se. Eis o livro que invoca o ódio, que divide os homens. Quanto mal causará, quantas dores provocarão, quantas guerras. Por causa deste livro fabricar-se-ão novas armas e muitos homens se fecharão dentro de si próprios.

Eis a verdade, ela será proclamada nos parques, nas praças. Esta é a única verdade. Transformar-se-ão a terra e os seus amores. Setenta anos triunfará este livro numa Quarta parte do mundo, formará chefes, escravizará povos. Os homens semearão ódio e carestia. O orgulho, o sonho do orgulho, o novo paraíso. Inferno na terra. Entre as guerras alguém falará de amor. Mas, mesmo vencido, falso, desmascarado, o livro terá sempre alguns adeptos, até ao fim dos tempos.

E sete, da Grécia através do mundo, depois da visão. Novas palavras conquistarão a terra. Repetidas por cristo. Repetidas pelos seus novos filhos. Será o momento do despertar e dos grandes cânticos. Rolos de papel serão encontrados nos Açores e falarão de antigas civilizações (ATLÂNTIDA) que aos homens ensinarão coisas antigas por eles desconhecidas. A morte será afastada e pequena será a dor. As coisas da terra, por intermédio dos rolos, falarão aos homens das coisas dos céus.



Sempre mais numerosos os sinais. As luzes nos céus serão vermelhas, azuis, verdes, rápidas. Aumentarão. Alguém vem de longe, quer encontrar os homens da terra. Já houve encontros. Mas quem verdadeiramente viu calou-se. (Uma inequívoca referência a naves extraterrestres e contatos com seres alienígenas.

O PRÓPRIO PAPA JOÃO XXIII TEVE CONTATO COM SERES DAS PLÊIÂDES. Veja mais em: http://thoth3126.com.br/o-papa-joao-xxiii-manteve-contato-com-ets/ )

Se uma estrela se apaga, já está morta. Mas a luz que se aproxima é alguém que morreu e que volta (uma referência à Estrela Anã Marrom que se dirige para dentro do nosso sistema solar).

Nos papeis do subterrâneo de ferro de Werner, sempre secretos, a resposta às claras. A época não é aquela que conhecemos. Temos irmãos vivos, irmãos mortos. Nós somos nós próprios, o tempo confunde-nos. Bem vindo Artur (Nobre, generoso), rapaz do passado. Tu serás a prova. Encontrarás o Pai da Mãe.

É o tempo dos dois imperadores. E a Mãe não tem Pai, porque muitos querem ser o Pai. Dois serão apoiados pelos adversários. Levantar-se-ão os gritos e as barreiras da contestação, mas já a Besta sai das águas. E a fome faz parar os exércitos. Os homens vão morrendo e depois da fome, a peste. Deus desencadeou a guerra da natureza (as catástrofes naturais previstas por todos os profetas de todos os tempos) para evitar a guerra dos homens.

O primeiro imperador morre no deserto, atacado pelos animais (vírus ??) da peste,desconhecidos. A filha de Caim subiu ao Norte para pregar. Luxuria na nova Babilônia durante sete anos. No sétimo ano cai o sétimo véu de Salomé, mas já não existe imperador, não existe quem saiba levantar a espada e cortar o pescoço de João. O tempo está próximo.

(Wikipédia) O Beato Papa João XXIII, OFS, nascido Angelo Giuseppe Roncalli (Sotto Il Monte, 25 de Novembro de 1881 — Vaticano, 3 de Junho de 1963) foi Papa e líder mundial da Igreja Católica Apostólica Romana e Soberano da Cidade do Vaticano de 28 de outubro de 1958 até à data da sua morte. Pertencia à Ordem Franciscana Secular (OFS) e escolheu como lema papal: Obediência e Paz. Sendo um sacerdote católico desde 1904, ele iniciou a sua vida sacerdotal em Itália, onde foi secretário particular do bispo de Bérgamo D. Giacomo Radini-Tedeschi (1905-1914), professor do Seminário de Bérgamo e estudioso da vida e obra de São Carlos Borromeu, capelão militar do Exército italiano durante a Primeira Guerra Mundial e presidente italiano do “Conselho das Obras Pontifícias para a Propagação da Fé” (1921-1925).

Em 1925, sendo já um arcebispo-titular, iniciou-se a sua longa carreira diplomática, onde o levou à Bulgária como visitador apostólico (1925-1935), à Grécia e Turquia como delegado apostólico (1935-1944) e à França como núncio apostólico (1944-1953). Em todos estes países, ele destacou-se pela sua enorme capacidade conciliadora, pela sua maneira simples e sincera de diálogo, pelo seu empenho ecumênico e pela sua bondade corajosa em salvar judeus durante a Segunda Guerra Mundial. Em 1953, foi nomeado cardeal e Patriarca de Veneza.

Foi eleito Papa no dia 28 de Outubro de 1958. Considerado inicialmente um Papa de transição, depois do longo pontificado de Pio XII, ele convocou, para surpresa de muitos, o Concílio Vaticano II, que visava à renovação da Igreja e à formulação de uma nova forma de explicar pastoralmente a doutrina católica ao mundo moderno. No seu curto pontificado de cinco anos escreveu oito encíclicas, sendo as principais a Mater et Magistra (Mãe e Mestra) e a Pacem in Terris (Paz na Terra).

Devido à sua bondade, simpatia, sorriso, jovialidade e simplicidade, João XXIII era aclamado e elogiado mundialmente como o “Papa bom” ou o “Papa da bondade“. Mas, mesmo assim, vários grupos minoritários de católicos tradicionalistas acusavam-no de ser maçom, radical esquerdista e herege modernista por ter convocado o Concílio Vaticano II e promovido a liberdade religiosa e o ecumenismo. Ele foi declarado Beato pelo Papa João Paulo II no dia 3 de Setembro de 2000. É considerado o patrono dos delegados pontifícios e a sua festa litúrgica é celebrada no dia 11 de Outubro.

Permitida a reprodução desde que mantido a formatação original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br