Criei este Blog para minha Mãe Cigana Rainha do Oriente, sendo uma forma de homenageá-la, bem como postar assuntos atuais e de caráter edificante, lindas mensagens, poesias de luz, também aqui brindemos á amizade verdadeira e elevemos o principal em nós ou seja a essência Divina, Deus e a Espiritualidade em geral.

terça-feira, 18 de junho de 2013

ECHELON: O ESQUEMA DE ESPIONAGEM GLOBAL DOS EUA




ECHELON: O esquema de espionagem global dos EUA.

Agindo como um “aspirador gigantesco” no céus do planeta inteiro, a Agência de Segurança Nacional (NSA-National Security Agency) dos EUA suga tudo: telefone residencial, telefone do escritório, telefone celular, e-mail, fax, telex, rádio, TV, etc …

Transmissões via satélite, radiocomunicações, tráfego de comunicações em fibra ótica, links de microondas, voz, imagens de texto (que são) capturadas por 120 satélites que orbitam a terra continuamente e, em seguida, as informações são processadas por computadores de alta potência”, Blum escreve em seu livro “Rogue State”…

O Programa ECHELON dos EUA transforma o escândalo do jornal londrino ”The News of the World-TNTW“ de Ruppert Murdoch em algo muito pequeno e insignificante.

Tradução e imagens: Thoth3126@gmail.com

FONTE: http://www.globalresearch.ca

Por Sherwood Ross - Sherwood Ross é uma consultora de relações públicas com base em Miami-Flórida, USA, que opera o serviço de notícias Anti-Guerra. Para contribuir com seu serviço ou comentário e-mail para sherwoodross10@gmail.com © Copyright 2005-2007 GlobalResearch.CA-USA – Web site engine by Polygraphx Multimedia © Copyright 2005-2007



Na medida em que o escândalo de escutas telefônicas do jornal londrino se revelou, comparado ao Tio (EUA) Sam e John Bull, Rupert Murdoch, a força moral (sic) por trás da Fox News, é um mero anão amador. Isso porque um esquema de espionagem global que está sendo executado atualmente pelos Estados Unidos, a Grã-Bretanha e alguns sócios menores coloca como insignificante o que os editores de Rupert Murdoch, no agora extinto jornal The News of The World (TNTW) em Londres jamais ousaram tentar.

O Primeiro-ministro britânico David Cameron pode muito bem negar que não sabia que o TNTW (o jornal The News Of The World) grampeava os telefones de membros da família real do Reino Unido ou dos americanos parentes das vítimas do atentado de 11/09 em N.York. Mas ele, o Primeiro Ministro, não pode negar que ele não sabe que o seu país, a Inglaterra é um dos parceiros dos EUA no projeto ECHELON, que segundo o jornalista americano de Washington, Willian (Bill) Blum, é uma “massiva rede de espionagem, com estações de intercepção de comunicações altamente automatizadas” que pratica a espionagem em todo o mundo.

“Agindo como um “aspirador gigantesco” no céus do planeta inteiro, a Agência de Segurança Nacional (NSA-National Security Agency) dos EUA suga tudo: telefone residencial, telefone do escritório, telefone celular, e-mail, fax, telex, rádio, TV, etc …

Transmissões via satélite, radiocomunicações, tráfego de comunicações em fibra ótica, links de microondas, voz, imagens de texto (que são) capturadas por satélites que orbitam a terra continuamente e, em seguida, as informações são processadas por computadores de alta potência”, Blum escreve em seu livro “Rogue State” (O Estado Trapaceiro/Velhaco) (Commom Courage Press).

Livro de Willian Blum. Chamando essa espionagem feita em massa no planeta de maior invasão de privacidade que jamais existiu, Willian (Bill) Blum diz que o incessante e incansável sistema de espionagem ilegal suga talvez bilhões de mensagens diárias, incluindo as comunicações entre personalidades, como de primeiros-ministros, do secretário-geral da ONU, do papa, embaixadas, da organização Anistia Internacional, Christian Aid, as empresas transnacionais e que “se Deus tiver um telefone, ele também ESTARIA sendo monitorado.“

Blum também disse que, durante a contagem regressiva para a invasão do Iraque em 2003, os EUA ouviram as conversas sobre o assunto do então Secretário-Geral da ONU, Kofi Annan, os inspetores de armas da ONU no Iraque “, e todos os membros do Conselho de Segurança da ONU … quando foram deliberar sobre as medidas a serem tomadas no Iraque “.

O programa de espionagem foi lançado na década de 1970 para espionar as comunicações efetuadas por satélite na então URSS, a União Soviética, o então grande inimigo comunista dos EUA e do ocidente, a NSA a Agência de Segurança Nacional dos EUA e seus sócios menores, o Canadá, Grã-Bretanha, Austrália e Nova Zelândia operam o Programa ECHELON, que é uma rede massiva de estações de intercepção de comunicação de todos os tipos, altamente automatizadas cobrindo o mundo todo à custa dos contribuintes americanos.

Hoje, Ed Miliband, o líder da oposição do partido trabalhista na Inglaterra, esta detonando o Primeiro Ministro, David Cameron por motivos que, segundo o jornal dos EUA, o The New York Times de 19 de julho, “os recentes escândalos na vida britânica foram causados por uma falta de responsabilidade entre aqueles que ocupam altos cargos” na Grã-Bretanha”, disse Miliband, “há um anseio por um país mais decente, responsável e com princípios.” O que provocou a retratação pública britânica é o tipo de conduta do ex-repórter Clive Goodman, do TNTW, que se declarou culpado em janeiro de 2007, por ter grampeado o correio de voz dos empregados auxiliares da família real.

Acima: ECHELON, estação de interceptação de comunicações situada em Menwitt Hill, Inglaterra.

Perdoem-me, mas como é que começam a comparar esse crime com o praticado pelo ECHELON, um órgão do governo (do governo oculto, da elite) dos EUA, espionando o Secretário-Geral das Nações Unidas ou o Papa? Ou roubar informações comerciais confidenciais de grandes companhias e passá-la a outras empresas favorecidas? Eu vou dizer isso para o Sr. Ruppert Murdoch: ele foi obrigado a fechar o seu maior jornal, ele demitiu editores e repórteres que tem a sua parte de culpa nos escândalos. Ele se apresentou perante o parlamento inglês em público e pediu perdão. Em contraste, o que os altos funcionários dos EUA tem feito sobre os crimes cometidos via ECHELON?

Zip, Ninguém anunciou algum plano para fazê-lo. Eles continuam a operar ECHELON descaradamente. O jornal TNTW de Rupert Murdoch, só estava fazendo minimamente e com motivos privados o mesmo caminho/modo que os governos dos EUA, Reino Unido, Canadá, Austrália e Nova Zelândia estão fazendo como um grande momento todos os dias. ECHELON é uma operação criminosa e uma violação do direito internacional e acabar com ele também poderia fazer a América, “um país mais decente, mais responsável e com princípios.” (NT- Mas isso talvez seja pedir muito nos dias e na América de hoje).

O Sistema ECHELON esta estimado para interceptar até 3 bilhões de comunicações por dia. Algumas das estações terrestres conhecidos ou suspeitas pertencentes ou participantes da rede ECHELON são as seguintes:

-Fort Meade, Maryland, EUA (a própria sede da NSA)

-Geraldton (Austrália Ocidental, Austrália)

-Menwith Hill (Yorkshire, Reino Unido)

-Base Aérea de Misawa (Japão)

-Morwenstow (Cornwall, Reino Unido)

-Pine Gap (Territorio do Norte, Austrália – perto de Alice Springs)

-Sabana Seca (Porto Rico – EUA)

-Shoal Bay (Northern Territory, Austrália) em Sugar Grove (West Virginia, EUA)

-Yakima (Washington, EUA)

-Waihopai (Nova Zelândia)

-Exmouth-Cabo Ocidental, Austrália Ocidental (Golfo , Austrália – EUA)


A gigantesca sede da Agência de Segurança Nacional (NSA) em Fort Meade, Maryland, como pode ser vista a partir do ar, foto de 29 de janeiro de 2010. (Saul Loeb / AFP / Getty Images)

Na Wikipédia: ECHELON é o nome dado na cultura popular e meios de informação a um alegado projeto secreto de SIGINT (abreviatura de signals intelligence, é o termo inglês usado para descrever a atividade de coleta de informações ou inteligência através da interceptação de sinais de comunicações entre pessoas ou máquinas), para o qual não existem explicações oficiais de que função o projeto possa desempenhar.

Alguns estudiosos da área afirmam que serve para interceptação mundial de telecomunicações (internet, fax, telecomunicações de qualquer tipo, etc) encabeçado pela Agência de Segurança Nacional (NSA-www.nsa.gov/ ) dos Estados Unidos da América, com a colaboração de agências governamentais de outros países (Reino Unido, Austrália, Canadá e Nova Zelândia), para analisar as comunicações em nível mundial, com o fim de procurar mensagens que representem ameaças “à segurança mundial” (ou para exercer mais controle sobre a população). Devido a todo o mistério que envolve o Sistema ECHELON, algumas teorias o acusam de promover até mesmo espionagem industrial/comercial.

Antenas do ECHELON em PINE GAP, Austrália. Para saber mais sobre Pine Gap veja em: http://thoth3126.com.br/a-base-subterranea-e-os-segredos-de-pine-gap-e-canberra/

No final de Janeiro de 2006, a Electronic Frontier Foundation, uma entidade ligada à defesa das liberdades no mundo digital, iniciou uma ação judicial contra a gigante operadora de telefonia estado-unidense AT&T devido a uma suposta colaboração da empresa com o ECHELON. Os defensores da teoria de que o ECHELON existe alegam que tudo o que se fala pelo telefone ou se transmite pela Internet, pelo fax, SINAIS DE TELEFONIA VIA MICROONDAS, TRANSMISSÃO DE RÁDIO, TELEVISÃO, etc, é controla­do, em tempo integral, via satélite (ao todo seriam 120 satélites participando na vigilância GLOBAL), pelo Sistema ECHELON, e que este é uma sofisticada máquina cibernética de espionagem, cria­da e mantida pela Agência de Segurança Nacional (NSA) dos Estados Unidos, com a participação direta do Reino Unido, do Canadá, da Austrália e da Nova Zelândia (países ANGLO-SAXÕES).

Com suas atividades iniciadas nos anos 80, o ECHELON teria, como embrião histórico, o Pacto denominado UKUSA (UK e USA), firmado secretamente pela Grã-Bretanha-UK e pelos EUA-USA, no início da Guerra Fria. Destinado à recolha e troca de informações, o Pacto UK-USA resultou, nos anos 70, na instalação de estações de rastrea­mento de mensagens enviadas desde e para a Terra por satélites das redes Intelsat (International Telecommunica­tions Satellite Organisation) e Inmarsat. Outros satélites de observação foram enviados ao es­paço para a escuta das ondas de rádio, de celulares e para o registro de mensagens de correios eletrônicos. Na Inglaterra, o órgão governamental associa­do à NSA é a GCHQ (Britain’s Government Communica­tions Headquarters).

A maior base eletrônica de espionagem no mundo é a Field Station F83, da NSA e se situa em Menwith Hill, Yorkshire, na Grã-Bretanha. A antena de Field Station F83, da NSA se situa em Menwith Hill Além disto, já sob o guarda-chuva do ECHELON, seriam cap­tadas as mensagens de telecomunicações, inclusive de ca­bos submarinos e da rede mundial de computadores, a lnternet. Em linguagem técnica, o objetivo dessa rede (ne­twork) é o de captar sinais de inteligência, conhecidos como SIGINT. O segredo tecnológico do ECHELON consiste na interco­nexão de todos os sistemas de escuta.


A maior base eletrônica de espionagem no mundo é a Field Station F83, da NSA e se situa em Menwith Hill, Yorkshire, na Grã-Bretanha.

A massa de infor­mações é tão espetacular que para ser tratada, requer uma tria­gem pelos serviços de espionagem dos países envolvidos, por meio de instrumentos da inteligência artificial de rápidos e sofisticados computadores. “A chave da interpretação — afirma Nicky Hager; pes­quisador do tema — reside em poderosos computadores que perscrutam e analisam e fazem a triagem da massa de mensagens para delas extraírem aquelas que apresentam algum interesse.

As estações de interceptação recebem milhões de mensa­gens destinadas às estações terrestres credenciadas e utili­zam computadores para decifrar as informações que con­têm endereços ou textos baseados em palavras-chaves pré-programadas”. (n.t.- Bem vindos ao mundo do BIG BROTHER, do controle total feito pelo Grande Irmão, e muito cuidado com o que você fala em seu celular e nas suas mensagens…)

Sobre o controle de informações na Internet veja mais em: http://thoth3126.com.br/nsa-e-a-vigilancia-em-tempo-real-na-internet-nos-eua/

Sobre ECHELON, veja Mais informações em: http://pt.wikipedia.org/wiki/Echelon

Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br