Criei este Blog para minha Mãe Cigana Rainha do Oriente, sendo uma forma de homenageá-la, bem como postar assuntos atuais e de caráter edificante, lindas mensagens, poesias de luz, também aqui brindemos á amizade verdadeira e elevemos o principal em nós ou seja a essência Divina, Deus e a Espiritualidade em geral.

sábado, 27 de abril de 2013

A INTUIÇÃO:





"A intuição é a voz do Guru dentro de você.

A conexão com o mestre, com o Grande Mistério aumenta, quando você se permite perceber os sinais, perceber a sincronicidade, que está mostrando o próximo passo na sua jornada evolutiva.

Mas se você está no controle, e as coisas tem que acontecer do seu jeito, você não pode ser guiado. Então, você fecha sua visão para a sincronicidade. E aí, obviamente, você está condenado ao sofrimento, porque você se sente sozinho, por isso que você sofre, se sente desprotegido.
Seu coração se alegra quando se sente guiado. Quando você percebe que não está sozinho, não é uma folha levada pelo vento, mas que existe uma inteligência cuidando de tudo isso, e você faz parte disso tudo, faz parte desse jogo, você é uma flor do jardim do criador.

Você se sente pertencendo.
E quando se sente pertencendo, não há motivo para tristeza.
Mas para poder vivenciar esse contentamento, é importante estar atento a intuição, atento as sincronicidades, a essas coincidências misteriosas, que tem algo para você. Tem sempre uma mensagem por trás de uma "coincidência".
Na verdade não existe coincidência. Tem sempre um recado da vida para você, que revela o próximo passo da sua jornada.

Tem um motivo, escondido no fato de estarmos aqui; assim como motivos escondidos nos fatos das coisas acontecerem do jeito que acontecem.É importante que estejamos abertos para receber esses ensinamentos. E estar completamente aberto para a sabedoria da incerteza. É abrir mão mesmo, de querer controlar.É deixar o poder te levar.Ser guiado pelo poder. Poder Superior.

Assim você desenvolve a mais profunda aceitação, e consequentemente o mais profundo relaxamento. Esse relaxamento trás uma alegria, trás a oportunidade de desfrutar cada momento da vida. E desfruta tanto dos momentos bons, como dos momentos que não são bons. Porque você encara tudo como material de escola, dessa grade escola que é a vida, cujo curso é Amar Conscientemente.
Amar desinteressadamente.
Se você vai largando o pensador compulsivo, e se permite ser guiado pelo coração, você entra no canto do Mistério. Esse Mistério é revelado para você.

"Pensamentos que me afligem,
Sentimentos que me dizem,
Nos motivos escondidos na razão de estar aqui.
As perguntas que me faço,
São levadas ao espaço
E de lá eu tenho todas as respostas que pedi.
Quem me dera as pessoas que se encontram se abraçassem como velhos conhecidos,
Descobrissem que se amam e se unissem
Na verdade dos amigos
E no topo do Universo uma bandeira
que estaria no infinito iluminada,
Pela força deste amor, luz verdadeira,
Dessa paz tão desejada.
Pensamentos que me afligem,
Sentimentos que me dizem,
Nos motivos escondidos na razão de estar aqui
Contemplando a natureza deste mundo
Onde as vezes aparentes coincidências
Tem motivos mais profundos.
Se as flores se misturam pelos campos
é que flores diferentes vivem juntas
E a voz dos ventos na canção de Deus,
Responde todas as perguntas"...

O que Deus quer nos dar? Flores?
Mas as vezes tem espinhos, e as vezes espetamos os dedos nos espinhos e tem motivos para se espetar os dedos nesses espinhos.

Você escolheu isso antes de encarnar, para despertar o seu potencial, e aprender a se libertar das limitações, descondicionar sua mente, poder dissolver carmas antigos, acordar o seu poder, acordar sua shakti, aprender a amar conscientemente.
Então meu amado, é chegada a hora de aceitar que a rosa é linda e perfumada, mas também tem espinhos. E aí não há motivo para brigar com a vida, você vê tudo como presente.

Se está bom agradece, se está ruim agradece.
"Graças infinitas vos dou por tudo aquilo que já po cossompreender e por tudo aquilo que ainda não compreendo."
Rezo para que você tenha coragem de aceitar e abrir, os presentes que a vida lhe dá."
Prem Baba em Satsang
http://ventosdepaz.blogspot.com.br/