Criei este Blog para minha Mãe Cigana Rainha do Oriente, sendo uma forma de homenageá-la, bem como postar assuntos atuais e de caráter edificante, lindas mensagens, poesias de luz, também aqui brindemos á amizade verdadeira e elevemos o principal em nós ou seja a essência Divina, Deus e a Espiritualidade em geral.

domingo, 28 de agosto de 2016

COMO SER UM GUARDIÃO - ENTENDENDO O CRONOGRAMA DA TRANSIÇÃO PLANETÁRIA





A seguir um trecho do livro "Brasil: Ordem em Progresso" que explica como um encarnado pode se tornar um guardião a serviço da Alta Espiritualidade e o que é esperado dentro desse trabalho dentro do contexto do cronograma da Transição Planetária. Eis o texto que engloba quase 10 páginas do livro:


"Pretendemos, neste momento, dar um passo a diante na divulgação dessa realidade, trazendo de forma mais elaborada alguns apontamentos sobre o modo de trabalho que está sendo implementado pelas Altas Hierarquias Espirituais com o objetivo de realizar, no tempo estipulado pela Autoridade Divina, a passagem da Terra de expiação e provas para um mundo de Regeneração.


– Uma espécie de organograma de operações? – questionei


– Praticamente isso José – respondeu – Uma visão ampla e ao mesmo tempo resumida das estruturas de poder que trabalham em prol do cronograma da Transição Planetária.


Enquanto eu permanecia em silêncio, buscando manter total concentração para captar as informações, Anik iniciou um pequeno resumo do que seria explicado:


– Jesus, o Governador Planetário da Terra e responsável pelo atual ciclo evolutivo da Terra age a semelhança de um diretor escolas que necessita de um grande número de “funcionários” e “instituições” para conseguir manter a ordem e o pleno cumprimento do cronograma relativo ao transcorrer e encerramento do ano letivo escolar que, nesta comparação, representa o final do ano letivo terrestre na Era de expiação e provas. – Iniciou a abordagem do tema através de uma simples metáfora


– E quais seriam essas instituições e funcionários? – perguntei a guardiã russa


– A primeira em hierarquia é o Grande Conselho Planetário que é formado por espíritos do mais alto grau de influência sobre os grupos aos quais trabalham e ao mesmo tempo maior dedicação em cumprir as orientações estipuladas pelo Governador Planetário. Temos nesse Conselho os representantes mais influentes e comprometidos com o Plano Divino Terrestre e com as deliberações do Cristo que conquistou esse cargo ou autoridade não por qualquer espécie de imposição, mas por ser a alma moralmente mais elevada na esfera astral do planeta Terra. – procurou explicar-me de forma didática enquanto prosseguia de forma pausada e focada:


– Temos entre os representantes do Grande Conselho espíritos que representam o segmento religioso e filosófico, assim como almas diretamente ligadas aos guardiões e aos processos responsáveis pela questão kármica dos habitantes do planeta, assim como representantes dos médicos e socorristas que realizam intenso trabalho junto ao intercâmbio kármico dos moradores do planeta. Representantes conectados às diferentes áreas continentais, etnias e culturas, buscam realizar grandes planejamentos que envolvam a evolução coletiva do planeta, com trocas de experiência e amadurecimento coletivo, proporcionando que povos ou grupos mais adiantados em determinados conhecimentos auxiliem outros grupos mais atrasados em determinadas áreas, como por exemplo, acontece a algumas décadas no intercâmbio de muitas almas que vivenciaram várias encarnações no Oriente, conquistando grande conhecimento sobre a realidade da vida espiritual e que agora encarnam em solo Ocidental, ajudando no combate ao materialismo.





Enquanto absorvia atentamente aqueles conhecimentos, Jeremias trouxe novas considerações:


– Logo abaixo do Grande Conselho nesse organograma temos os diversos Ministérios ou centrais de comando, interligadas como células de um grande organismo vivo, algumas no astral superior, algumas mais próximas do astral intermediário. Como foi mostrado na primeira obra que “escrevemos” – disse referindo-se ao livro A Bíblia no 3º Milênio – cada um desses Ministérios ou centrais conta com um conjunto de prédios interligados que congregam prédios da Justiça, da Saúde e de outras áreas (como filosofia, ciências, esportes entre outros) e que atuam em conjunto, seguindo as orientações do Grande Conselho, sendo que alguns desses Ministérios abarcam funções mais amplas, ligadas às questões mundiais e continentais, enquanto que outros são responsáveis por questões mais específicas que abrangem uma área geográfica menos ampla.

“No centro do comando que existe na pirâmide de Atlântida, existe tecnologia suficiente para realizar comunicações até mesmo com mun­dos de outras galáxias, mas isso ocorre em boa parte pelo elevado nível moral de Jesus e do Grande Conselho, que podem gerar uma vibração energé­tica capaz de conectar aquele centro de comando com mundos de grandís­sima evolução.” (A Bíblia no 3º Milênio - 376)


– É dessa matriz ministerial que são elaboradas as diretrizes que regem as reuniões nos demais ministérios ou células do astral ligadas ao planejamento do Cristo, sintonizadas em última instância com a prática do bem, popularmente conhecida como magia branca. – completou Anik permitindo algum tempo para que eu absorvesse aquelas informações e formulasse alguma questão:


– Então é possível concluir que existem diversos ministérios, funcionando como células interligadas e que agem em consonância e subordinadas em última instância ao planejamento do Grande Conselho e o cronograma da Transição Planetária, sendo que nos encontros que ocorrem nessas células há a presença ou de um Conselheiro ou de um elevado preposto dos guardiões, um guardião que atue em missões de nível mundial como é o caso de vocês e que exatamente por estarem nessa posição hierárquica dispõe de informações mais aprofundadas sobre os eventos futuros estipulados para a realização do cronograma mundial nos próximos 20 anos e toda a dinâmica kármica que envolve os habitantes do planeta, entre encarnados e desencarnados. – questionei aos amigos guardiões


Jeremias respondeu a pergunta com algumas considerações interessantes:


– Da mesma forma os guardiões e socorristas que possuem um trabalho mais abrangente, a nível mundial e continental nas fraternidades as quais trabalham também levam orientações aos demais centros de comando e equipes de guardiões e de saúde que estão ligados vibratoriamente ao trabalho de difusão dos ideais do Evangelho e no cumprimento da ordem, segundo as leis do Grande Conselho. São equipes que trabalham em atividades de menor alcance como, por exemplo, em países, estados, fronteiras e na defesa de determinadas instituições muito visadas por milícias umbralinas, como hospitais, cemitérios, centros espíritas e espiritualistas e demais locais religiosos. Toda essa engrenagem segue as coordenadas do Grande Conselho e nesse trabalho os mais preparados e experientes colaboram com aqueles que exercem missões restritas a locais menores ou atingem menor abrangência. – disse de forma elucidativa


Durante todo o tempo o amigo Franciscano permanecia em silêncio, de forma humilde, irradiando poderosa energia mental que auxiliava no aumento da minha lucidez e maior percepção das informações relatadas, enquanto que ao mesmo tempo transmitia algumas informações para Anik mediunicamente. Notei rapidamente, antes de iniciar novas perguntas para Jeremias, que um pouco mais ao longe e perto do altar, o homem da túnica azul realizava processo semelhante, sustentando mediunicamente o gigante guardião:


– Então podemos concluir que especificamente no trabalho pertinente aos guardiões há uma cadeia de comando que envolve o Grande Conselho, os guardiões pertencentes ao Grande Conselho, os Ministérios responsáveis pelas questões mais abrangentes de nível mundial e continental, assim como os guardiões que atuam nessas questões, todos eles colaborando no direcionamento das principais missões do cronograma da Transição Planetária até 2036, informando, colaborando e ajudando grupos de guardiões e centros de comando que atuem em situações de menor alcance e escala? – Perguntei ao gigante guardião


– Exatamente José, em especial posso ainda ressaltar que o Grande Conselho conta atualmente com três membros guardiões. Um deles você já conhece e foi mencionado em relatos anteriores, trata-se de Miguel que teve a sua última encarnação na Terra como o soldado Jorge de Cristo ou simplesmente São Jorge. Atualmente encarnado, outro espírito que você também conhece é João Batista, encarnado há pouco mais de 20 anos no sudeste do Brasil e por fim há um terceiro espírito diretamente ligado aos habitantes do planeta Vênus que desde o processo de preparação espiritual para a encarnação de Jesus há quase dois mil anos vem auxiliando diversas equipes de guardiões de outros mundos, cada vez mais numerosas a medida que o dia do juízo em 2036 se aproxima.





Curioso, perguntei para Anik uma dúvida que era não apenas minha, mas de muitos leitores:


– E como acontece o processo de efetivação a uma equipe de guardiões?


– Os critérios principais são experiência e comprometimento com as leis do Cristo, ou seja, seu Evangelho de amor, fraternidade e justiça, assim como a integração às leis e deliberações do Grande Conselho. Quanto mais a alma desejar trabalhar em nome da harmonia e da justiça, não desenvolvendo sentimentos negativos como raiva, egoísmo, ao mesmo tempo for realizando uma reforma moral de atitudes e for adquirindo experiência prática nas tarefas pertinentes ao trabalho dos guardiões, mais ela avançará ao longo das encarnações na hierarquia dos defensores da ordem e do cumprimento da lei, a hierarquia daqueles que guardam a execução da Lei em seus caminhos energéticos de ação e realização, os Guardiões. – respondeu de forma didática enquanto eu preparava novas perguntas:


– E quais seriam os outros critérios para se tornar um guardião? É possível começar um trabalho com os guardiões já diretamente junto às mais altas hierarquias de guardiões em missões de nível mundial?


Pacientemente a gigante russa respondeu a pergunta sob o olhar sereno de Jeremias que admirava a minha curiosidade incessante sobre o tema que ele próprio havia iniciado:


– Querido amigo o principal critério para aqueles que trabalham pelo bem é motivar a formação de cidadãos de bem e não cidadãos de bens, ou seja, pessoas preocupadas em crescer espiritualmente e ter uma vida material digna, mas sem viver em função de luxos, riquezas materiais ou materialismo. Compartilhar, que seja dinheiro, tempo, conhecimento com aqueles que precisam e se mostram receptivos, pois antes de pensarmos em combater com a espada precisamos pensar em combater com o coração. Muitos dos pequenos dramas que envolvem os seres da Terra se avolumam em grandes problemas e por isso são uma fonte de poder para as hostes do mal, então antes de pensarmos em invadir feudos umbralinos precisamos descobrir quais são as mãos que necessitam de amparo. – Sob a atmosfera de profunda paz que envolvia a Igreja, permaneci atento aos apontamentos da guardiã:


– O trabalho de guardiões e socorristas caminha lado a lado, mais do que destruir o mal os guardiões estão lutando para construir o bem, nunca motivados por violências ou egos pessoais mas tão somente pela execução kármica organizada por aqueles, o Grande Conselho, que em última instância possuem a autoridade moral para delimitar o que faz parte e o que não faz parte do processo kármico pertinente ao cronograma da Transição Planetária.


Tomando um pouco de ar enquanto recebia profunda inspiração do amigo Franciscano, a gigante russa dos olhos violetas prosseguiu com a resposta ampla à minha pergunta:


– Nenhum soldado começa a carreira como general querido amigo, tudo é um processo. Os amigos, tanto encarnados ou desencarnados, que ocupam funções entre os guardiões ou funções de auxílio dentre aqueles com missões mais abrangentes são aqueles que conquistaram esse merecimento ao longo de várias encarnações. Temos ainda algumas questões muito práticas, a primeira delas é que para a principal função dos colaboradores encarnados, que é doar ectoplasma para as nossas equipes, não necessitamos sequer de médiuns projetores. A questão começa a ficar um pouco mais complexa quando necessitamos realizar missões mais abrangentes....


– Como assim Anik? Poderia explicar-me melhor? – perguntei curioso


– Imagine José as missões mais recentes que realizamos para desmantelar os grupos umbralinos que estavam apoiando a manutenção do populismo na América do Sul – respondeu Anik recordando batalhas ocorridas desde 2012 – nós não apenas precisávamos contar com médiuns encarnados com alguma experiência em confrontos no mundo espiritual como ao mesmo tempo precisávamos de almas que não estivessem sintonizadas no apoio à determinados partidos ou ideologias sociais, como por exemplo o ideário marxista e do gramscismo , ou que não tivessem em Fidel Castro, Che Guevara ou Hugo Chávez heróis, pois caso contrário mesmo um bom projetor ou um bom médium de efeitos físicos poderia comprometer uma missão simplesmente por acreditar que a missão não era ordenada pelo Grande Conselho mas sim por obsessores, simplesmente porque tal missão era contrária a visão pessoal que tal médium tem sobre o que é melhor para o mundo. Médiuns com esse tipo de ideologia, infelizmente em virtude do cronograma estipulado para o intervalo de 2012 à 2017 que tem como missão dada pelo Grande Conselho colocar fim a governos populistas na América do Sul, tiveram que ser afastados de qualquer atividade espiritual junto aos guardiões, ficando circunscritos a trabalhos mais voltados para a saúde, isso quando não caíam em depressões ou crises de raiva por conta das mudanças sociais ocorridas. – concluiu de forma impressionante


– Faz todo o sentido Anik, isso mostra algumas peculiaridades do trabalho que envolve os guardiões e os encarnados dispostos a trabalhar nessa linha de atividade – concordei enquanto Jeremias trazia ainda mais informações sobre o tema:


– Há ainda outro ponto relevante José. Como informado anteriormente, os guardiões mais experientes que atuam em causas mundiais e continentais seguindo o cronograma do Grande Conselho freqüentemente auxiliam grupos menores, até porque em muitos casos uma simples missão em uma cidade está interligada à planos muito maiores, que envolvem situações de conflitos globais com várias equipes trevosas, como é o caso agora das Olimpíadas na cidade do Rio de Janeiro que naturalmente mobilizam intenso aparato dos amigos espirituais, proporcionando um maior contato de encarnados e médiuns em geral com um número maior de equipes que atuam em nível mundial, o que não significa que esses amigos, ainda que esforçados e bem intencionados, serão efetivados para um trabalho constante em questões de relevância global, até mesmo por conta da própria segurança deles. – fez uma rápida pausa antes de prosseguir:


– Se mesmo médiuns treinados há varias encarnações costumam ganhar várias cicatrizes ao longo da vida em missões mais complicadas, que envolvem entidades muito experientes no mal, para médiuns não tão experientes isso seria uma irresponsabilidade por parte dos guardiões se permitissem a participação deles sem um forte aparato extra de segurança.


Anik aproveitou a relevância do tema e complementou:


– Normalmente buscarmos trazer para esse trabalho, mais próximo dos guardiões a nível mundial, não apenas aqueles médiuns que cumprem as características que elencamos até aqui, mas também aqueles que possuem a capacidade de compreender algumas questões mais amplas do ponto de vista histórico e geopolítico envolvendo a humanidade, mas também de conseguir transmitir aos encarnados o planejamento daquilo que está sendo elaborado e executado em poucos meses ou pouquíssimos anos, caso contrário não haveria um propósito prático em atuarmos a nível mundial mais diretamente com médiuns encarnados se estes não tiverem a capacidade de compreender e captar essas informações, pois estaríamos os expondo á riscos desnecessários. O ponto fundamental de trabalhar com maior proximidade a guardiões que atuem em nível mundial e que justamente por isso tem acesso mais próximo as diretrizes do Grande Conselho e especificações sobre o cronograma mundial é exatamente poder transmitir tais informações aos encarnados e compreender o porquê de participar de determinadas missões no mundo espiritual, ainda que em termos gerais esse cronograma já esteja relativamente bem delimitado, tanto pelas profecias trazidas pelo próprio Governador Planetário quando esteve encarnado entre os homens, como pelo próprio trabalho que já foi divulgado até aqui e atestou a veracidade desse cronograma em consonância com as profecias." (Livro "Brasil: Ordem em Progresso", página 63 a 75)



Para adquirir os livros, ver a série de profecias cumpridas e saber os endereços das redes sociais, basta clicar no banner abaixo:









Read more: http://profeciasoapiceem2036.blogspot.com/2016/08/como-ser-um-guardiao-entendendo-o.html#ixzz4IdnBlLcd