Criei este Blog para minha Mãe Cigana Rainha do Oriente, sendo uma forma de homenageá-la, bem como postar assuntos atuais e de caráter edificante, lindas mensagens, poesias de luz, também aqui brindemos á amizade verdadeira e elevemos o principal em nós ou seja a essência Divina, Deus e a Espiritualidade em geral.

domingo, 18 de outubro de 2015

CONHECENDO AS CONSTELAÇÕES-Andrômeda-Terceira parte



Andrômeda é uma das primeiras constelações que foram batizadas e a sua antiguidade deu tempo para que se pudesse gerar uma rica e variada mitologia ao seu redor, uma vez que incorpora as lendas de outros grupos de estrelas identificadas posteriormente.
A MITOLOGIA
Andrômeda era a filha de Cassiopéia e de Cefeu, governantes da antiga Etiópia. Quando Cassiopéia se gabou de ser mais bela que as Nereidas, filhas do deus marinho Nereu, Poseidon indignou-se e enviou o monstro Cetus (a Baleia) para assolar o reino dos etíopes. Aconselhados pelo oráculo de Ammon, que sentenciou que o sacrifício da sua filha à Baleia era o único modo de apaziguar o deus, o rei e a rainha agrilhoaram Andrômeda á uma rocha perto do mar. No entanto, Perseu, enamorado, chegou a tempo de a resgatar, montado sobre Pégaso, o cavalo alado. Perseu conseguiu salvar Andrômeda do seu destino cruel mostrando a horrível cabeça de medusa à Baleia, e imediatamente o monstro se transformou em pedra.
A Grande Nebulosa de Andrômeda, fotografado no ano de 1900. Neste momento, os astrônomos não podiam discernir estrelas individuais na galáxia. Muitos pensaram que era uma nuvem de gás dentro de nossa Via Láctea – um lugar onde novas estrelas estavam se formando. Imagem via Wikimedia Commons.
Esta constelação é famosa pela enorme e distante galáxia que contém (M31) e apesar das suas estrelas não se distinguirem muito bem, devido ao fraco brilho, é fácil encontrá-la ao sul da forma em W de Cassiopéia.Embora um par de dezenas de pequenas galáxias se encontram mais perto de nossa Via Láctea, a galáxia de Andrômeda é a grande galáxia mais próxima da nossa. Excluindo-se os grandes e a Pequena Nuvem de Magalhães, que não podem ser vistos a partir de latitudes setentrionais, a galáxia de Andrômeda – também conhecida como M31 – é a galáxia mais brilhante de todos os céus. É a coisa mais distante você pode ver a olho nu, em 2,3 milhões de anos-luz. Para o olho, ele aparece como uma mancha de luz maior do que uma lua cheia.

Nota

As constelações são “regiões” do céu escolhidas aleatóriamente pelo homem, para facilitar a localização dos astrosNo senso comum, uma constelação é um grupo de estrelas que aparecem próximas umas das outras no céu que quando são ligadas formam uma imagem de um animal, objeto ou seres fictícios. Em gramática, é o coletivo de estrelas (qualquer conjunto de estrelas pode ser chamado de constelação). Mas para a Astronomia, constelação é uma região do céu, conforme proposto por Eugène Joseph Delporte em 1930 e adotado pela União Astronômica Internacional.
Uma da 88 constelações recebe o nome de Andrômeda. Veja um dos porquês nesse link:
http://www.explicatorium.com/As_constelacoes_andromeda.php
Já a Galáxia de Andrômeda (M31 ou NGC224), recebe esse nome por estar justamente nessa constelação (lembrando sempre que isso é em relação à nossa linha de visão). Essa galáxia é o objeto do céu mais distante de nós que podemos observar a olho nú.
Galáxia de Andrômeda em julho de 2014.

Objetos do céu profundo

O genitivo, usado para formar nomes de estrelas, é Andromedae.
M31 – Galáxia Andrômeda – Inicialmente acreditava-se que Andrômeda era uma nebulosa. É uma galáxia em espiral, muito parecida com a Via Láctea, a galáxia onde nos encontramos. Assume a forma de um redemoinho com duzentos bilhões de estrelas, poeiras e gases. Vê-se a olho nú, perante um céu escuro e é um dos objetos mais distantes visíveis sem ajuda óptica, encontrando-se a cerca de 2,2 milhões de anos-luz de distância. Tem duas galáxias elípticas vizinhas, a M32 (pequena e compacta) e a M110 (maior e difusa).
NGC 752 – Grupo aberto, de estrelas relativamente brilhantes, que ocupa uma zona extensa.
NGC 7662 – É uma nebulosa planetária muito brilhante, de cor azul-esverdeada, que pode ser vista com um telescópio pequeno.
NGC 891 – Difícil de observar, no entanto, com boa visibilidade e um céu propício, constitui um dos melhores exemplos de galáxia em espiral.
Andrômeda, é nossa galáxia vizinha, está se aproximando cada vez mais da Via Láctea, as duas são separadas por uma distância de 2,5 milhões de anos, porém estão convergindo a uma velocidade média de 400 mil quilômetros por hora devido à gravidade que exercem uma sobre a outra.Cientistas acreditam que elas começarão a se fundir em 4 bilhões de anos, e dentro de mais 2 bilhões devem se tornar uma única entidade. Ainda segundo eles, a posição do nosso sol será alterada, porém os planetas que orbitam a sua volta não enfrentam muito risco de serem destruídos e, caso a espécie humana sobreviva(com certeza), terá uma bela visão noturna do céu aqui da Terra.
ASSISTAM AO VÍDEO;Simulação da NASA da Via Láctea colidindo com a galáxia Andrômeda
Quando olhar para a galáxia de Andrômeda
Da latitude  norte,  podemos ver M31 – também chamado a galáxia de Andrômeda – pelo menos durante parte de cada noite, durante todo o ano. Mas a maioria das pessoas vê a galáxia em primeiro lugar no Outono do norte, quando é alta o suficiente no céu para ser vista á partir do anoitecer até o amanhecer.No final de setembro e início de outubro, a galáxia de Andrômeda brilha no céu do leste ao cair da noite, oscilando acima da cabeça em torno da meia-noite (01:00 horário de verão) e está bastante elevada no oeste no início da madrugada. Noites de inverno também são boas para ver a galáxia de Andrômeda.Se você está longe das luzes da cidade, e é uma noite sem lua – e você está procurando em uma noite do outono ou no inverno – é possível que você  simplesmente observe a galáxia no céu noturno.Ela parece um remendo nebuloso no céu, tão largo como uma lua cheia.Mas se você olhar, e não ver a galáxia – ainda assim você saberá que  está procurando em um momento em que é acima do horizonte – você pode encontrar a galáxia  de duas maneiras. Primeiro lugar, você pode usar o grande quadrado de Pégaso. Em segundo lugar, você pode usar a constelação de Cassiopéia.
Encontre a galáxia de Andrômeda usando o Grande Quadrado de Pégaso
Você vai começar a olhar para a galáxia de Andrômeda, á partir do Grande Quadrado de Pégaso. No outono, o Grande Quadrado de Pégaso se parece com um grande campo de beisebol no céu oriental.Visualize a estrela ao fundo do quadrado de quatro estrelas , em seguida, desenhe uma linha imaginária á partir da “primeira base” da estrela, embora a “terceira base”da estrela sirva para localizar duas outras estrelas que” voam “para longe do Grande Quadrado de Pégaso. Estas estrelas pertencem à constelação de Andrômeda, a princesa.Comece pelas duas estrelas do norte (esquerda) e da terceira estrela da base, localizando as estrelas Mirach e Mu Andromedae. Desenhe uma linha de Mirach através de Mu Andromedae, indo duas vezes a distância Mirach / Mu Andromedae. Você acaba de desembarcar na galáxia de Andrômeda, que se parece com uma mancha de luz a olho nu.
Muitas pessoas usam o M- ou em forma de W na constelação Cassiopéia para encontrar a galáxia de Andrômeda. Veja como a estrela Schedar aponta para a galáxia
Andrômeda e a Via Láctea no contexto
A galáxia de Andrômeda e a nossa Via Láctea tem reinado como as duas galáxias mais massivas e dominantes dentro do Grupo Local de Galáxias. A Galáxia de Andrômeda é a maior galáxia do Grupo Local, que, para além da Via Láctea, também contém a galáxia de Triangulum, e cerca de 30 outras galáxias menores.Tanto a Via Láctea e a galáxia de Andrômeda, reivindicam  cerca de uma dúzia degaláxias satélites. Ambas tem cerca de 100.000 anos-luz de diâmetro, contendo massa suficiente para fazer milhares de milhões de estrelas.Os astrônomos descobriram que o nosso grupo local fica nos arredores de um aglomerado gigante de vários milhares de galáxias – o que os astrônomos chamam oAglomerado de Virgem.Sabemos, também, de um super aglomerado irregular de galáxias, que contém o aglomerado de Virgem, que por sua vez contém o nosso Grupo Local, que por sua vez contém a nossa galáxia da Via Láctea e a galáxia vizinha Andrômeda. Pelo menos 100 grupos de galáxias e aglomerados estão localizados dentro deste Superaglomerado de Virgem. Seu diâmetro é estimado para ser de cerca de 110 milhões de anos-luz.
LEIA MAIS;
A Galáxia de Andrômeda com duas de suas galáxias-satélite, via Wikimedia Commons.
ALEX COLLIER E SUAS RELAÇÕES COM OS SERES DE ANDRÔMEDA
Alex Collier tem tido, durante 40 anos, uma relação com seres humanos da constelação da Andrômeda. Segundo Alex, estes seres são da 5ª dimensão e estão tecnólogicamente e espiritualmente 50 mil anos mais avançados que nós. Contudo ainda têm os seus próprios problemas com a sua própria sociedade, ainda estão  evoluindo e ainda estão  tentando descobrir qual é o caminho. Alex frisa que ele afirman que todos estamos  evoluindo, mas ninguém é melhor que o outro.Alex tem mantido uma relação principalmente com dois seres: um senhor de pele pálida (devido à sua idade), Vissaeus – palavra equivalente à sua frequência, ao seu símbolo, já que eles não usam própriamente nomes como nós.Vissaeus tem cerca de 1.50 m de altura, é muito idoso – cerca de 4300 anos (dos nossos anos). Por outro lado Morenae tem 2300 anos de idade (dos nossos anos), é muito jovem, muito forte, tem cerca de 2.15m de altura, pesa cerca de 180 kg e aprendeu a falar (a maioria é telepática). É descontraído e tem senso de humor.
Os Andromedianos têm uma pele azulada e têm 3 sexos: andrógino, feminino e masculino. Vivem numa comunidade espiritual e a sua longevidade vai de 1800 a 2300 anos, apesar de alguns viverem mais. As suas crianças vão à escola por cerca de 150 a 180 anos (dos nossos anos) e durante esse tempo aprendem todas as artes e ciências. Tudo o que  está disponível para aprender lhes é ensinado, por isso quando crescem são efetivamente mais inteligentes que os seus pais. E isto é chamada a ‘LEI DA CONSISTÊNCIA’. Eles nunca considerariam deteriorar as suas crianças para que fossem manipuladas ou controladas, pois isso seria sabotar a própria raça.Os seres de Andrômeda vieram aqui primeiramente, porque algo estava acontecendo no futuro; há um desequilíbrio muito negativo que ocorre no nosso futuro-afirmam eles. E ao seguirem a fonte desse desequilíbrio, descobriram-na no nosso sistema solar. Alex salienta que não sabe se agora esse futuro ainda é provável, mas que atualmente estamos  recebendo todo o tipo de ajuda de muitas e diferentes raças de seres.Na perspectiva dos Andromedianos, todos nós aqui na Terra somos considerados, genéticamente, “Realeza’”pois cada um de nós possui uma combinação de DNA de 22 diferentes raças de extraterrestres.
A DIMENSÃO DOS ADROMEDIANOS
Segundo os Andromedianos, que têm mestres da 9ª densidade e  na 11ª densidade, há uma raça de seres conhecidos como os ‘Paal Tal’, também conhecidos como ‘Os Fundadores’ que criaram os buracos de minhoca (wormholes) e outras coisas do nosso universo, são aqueles que criaram o nosso HOLOGRAMA. Aparentemente, a evolução espiritual do nosso universo estacionou. Segundo os Andromedianos, este grupo – os ‘Paal Tal,’ deixaram a ‘eternidade’ e regressaram ao conceito do tempo, estando presentes em muitas civilizações, aproximadamente 21 civilizações da 3ª densidade, as quais estão  atravessando o mesmo processo que nós estamos  atravessando. Então temos aqui seres espiritualmente muito evoluídos, que vieram ao ‘tempo’, escolhendo esquecer quem eles eram, e aparecendo dentro das formas físicas de ‘realeza’.
NOSSA HERANÇA EXTRATERRESTRE
Nestas formas físicas, temos a herança de muitas raças como a memória racial. Isto é profundo, tendo em conta que muitas destas raças vêm de ambientes, habitats e ecossistemas completamente diferentes. Então não há absolutamente nenhum limite para o que somos e podemos fazerA questão não é mais se estamos sózinhos no universo , mas sim o que é que nós queremos?.Em que direção queremos criar? Criamo-la juntos ou continuamos individualistas? É neste ponto que a humanidade está. Vamos ter ajuda exterior, mas eles não vão fazer o trabalho por nós, pois dessa forma não poderíamos transitar da 3ª densidade para as seguintes. E isto significa literalmente que provávelmente nem todos vão conseguir transitar. Mas não é nenhum drama, pois somos seres espirituais e podemos sempre voltar a tentar de novo (voltando a reencarnar na 3ª densidade). Mas na realidade todos temos o potencial para transitar.
ALEX COLLIER TEM O CONTATO DE TERCEIRO GRAU COM OS ADROMEDIANOS
Alex Collier chegou a passar 3 meses numa das naves destes seres, e descreve-a como uma esfera cilíndrica com 1,3 Km (800 milhas), com muitos pisos e muito maior no interior do que no exterior (Alex diz que não faz idéia como esta proeza é feita). Diz também que eles têm parques enormes no interior da nave onde produzem frutas; que respiram oxigênio e bebem água como nós, mas alimentam-se apenas de frutas. Os parques têm entre 20 a 40 milhas e estão em todos os pisos e ao longo das suas laterais estão as habitações (tipo apartamentos). Há vida animal nesses parques, mas os animais são diferentes dos da Terra. Alex diz que o animal mais parecido com os nossos, era um que se parecia com um esquilo, mas não era um esquilo;era muito inteligente e toda a vida animal é telepática e interage com as pessoas. As crianças são todas telepáticas, poucos falam. Morenae aprendeu a fazê-lo, devido à sua relação com Alex ao longo de 40 anos. Outra peculiar diferença são as muitas cores diferentes das nossas, já que na 5ª densidade o espectro de cores é de 221 cores enquanto nós na 3ª densidade só temos 72 cores.

Concepção artística do plano polar de galáxias satélites em torno de Andrômeda. O plano passa perpendicularmente através do centro de Andromeda e aponta para M33 e M81. Crédito: E.K. Grebel / A. Koc
O DNA DOS ANDROMEDIANOS
Os Andromedianos estão genéticamente ligados a nós, gostam de nós e preocupam-se conosco há bastante tempo. Uma vez houve uma Reunião de Conselho em Andrômeda onde participaram vários seres de diversas galáxias. O assunto da reunião era a nossa civilização. Esta reunião serviu para decidirem o que fazer aqui na Terra, a forma como intervir e assistir a nossa evolução espiritual, porque haviam influências exteriores que estavam  fazendo tudo o que podiam para suprimir a nossa evolução. A maioria achou que seria melhor para eles e para nós que nos fosse dada a oportunidade de nos deixarem fazer as nossas próprias escolhas, sem sermos manipulados. Um outro grupo, mais pequeno, argumentou que:“Eles não se respeitam a eles próprios, eles não se respeitam uns aos outros e eles não respeitam a sua casa (TERRA). Qual é o valor deles?”
AS REFLEXÕES NECESSÁRIAS NESTA TRANSIÇÃO PLANETÁRIA~por Alex Collier
Estamos tão preocupados com as nossas vidas quotidianas, levando as crianças á escola, indo trabalhar, pagando os impostos e os empréstimos, indo às compras, pondo combustível no carro,… estamos tão ocupados com as nossas vidas que raramente paramos para pensar o que estamos realmente  criando. As pessoas andam com as cabeças  baixas, pressionadas, tentando sobreviver, tentando fazer tudo o que temos estado fazendo e que os nossos antepassados também têm feito por milhares e milhares e milhares de anos. Nada disso vai funcionar mais e alguns já sabem disso. Os velhos paradigmas estão desmoronando-se,e é apenas uma questão de tempo até caírem por completo. Uma das coisas que os seres de Andrômeda estão admirando e respeitando é o nosso domínio do conhecimento; a idéia de direitos humanos, de liberdades individuais, a garantia desses direitos, de como viver e de como devemos ser tratados, isso nunca tinha existido no nosso planeta, mas nós criamos isso. Nós criamos a idéia de liberdade, nós criámos a idéia das viagens espaciais, a idéia da energia livre. Sim, muito disso vem de ‘fora’, mas a razão pela qual vem do lado de ‘fora’ é porque nós  “puxamos” para cá. Nós como consciência coletiva, nós até puxamos os ETs até aqui. E eles têm estado por aqui desde há muito, muito tempo. Os Andromedianos também estão admirando a nossa habilidade de criar música. Porque, apesar de muito mais avançados, eles não conseguem fazer isso – criar música  do vazio. O que eles fazem é, ao viajarem através dos sistemas solares, gravar, numa espécie de câmara holográfica, o tom e a frequência dos planetas, estrelas e constelações. Depois sobrepõem em camadas esses tons e frequências e criam a música deles. Captam a música que o Universo cria. Nós, por outro lado, criamos a nossa própria música. Puxamo-la do nada.
OS ANDROMEDIANOS E A RELIGIÃO
Na perspectiva dos seres de Andrômeda, nós já deveríamos ter abandonado as nossas religiões há 450 anos atrás.Collier perguntou várias vezes aos seres de Andrômeda no que nós nos tornaríamos, e o que nos vai acontecer. E depois de alguma insistência, Vissaeus disse: “isto é como nós percebemos no que se vão tornar – liberdade responsável de autodeterminação, tornando-se verdadeiramente seguros de si e livres, sendo incondicionalmente responsáveis por si mesmos, sem serem coagidos por qualquer autoridade.” Eles disseram em muitas ocasiões que estamos todos prontos para sermos quem precisamos de ser, é só uma questão de nos lembrarmos. E que essa introspecção passa por nos libertarmos da forma como percebemos os nossos erros e os nossos arrependimentos.
OS ANDROMEDIANOS EXPLICAM O HOLOGRAMA DO UNIVERSO
Segundo Alex Collier, de acordo com a versão dos seres de Andrômeda, em 1993, um som-colorido começou a emanar de todos os buracos negros de todo o universo conhecido. E esta nova frequência de som-colorido está  criando um novo plano holográfico sobre toda a densidade de massa do nosso universo. Aparentemente existem dentro deste holograma seres conscientes. Os seres de Andrômeda não sabem quem são estes seres conscientes, mas aqueles que se comunicam com os seus mentores de densidades mais elevadas, dizem que estes seres conscientes têm a habilidade de estar no seu nível de 12 densidades e olhar através de todas as outras densidades. É dito que este plano holográfico tem a capacidade de elevar todas as outras densidades para uma frequência mais elevada. E nós estamos atravessando mudanças dimensionais com frequências elevadas, expandindo a nossa consciência, assim como as outras raças extraterrestres, que estão passando exatamente pelo mesmo que nós.Mas para eles é diferente, pois têm uma consciência mais desperta, provávelmente não terão suprimido toda a tecnologia que possuem ao seu povo, e sabem o que está acontecendo e caminham todos juntos para a mesma direção, por causa da “LEI DA CONSISTÊNCIA”, todos se movem juntos, todos têm um objetivo similar, essa é a sua forma de evoluir espiritualmente. Todos se movem juntos como uma raça, como uma família.
Esta imagem mostra a galáxia de Andrômeda, também conhecida como M31, como visto em raios-X XMM-Newton com observatório espacial da ESA. A sequência de imagens no topo retratam o centro da galáxia e foram tomadas com o XMM-Newton, em quatro ocasiões durante 2012 – estas imagens ilustram a descoberta de uma nova fonte rotulado XMMU J004243.6 + 412519, destacado com um círculo (ESA / XMM-Newton / MPE)
O QUE OS ANDROMEDIANOS NOS FALAM SOBRE A CONSCIÊNCIA
Sobre a Consciência, os seres de Andrômeda disseram a Collier: “o que mais precisam fazer … é o que forem capazes para eliminar a degeneração das suas sociedades, a habilidade está na vossa consciência pois providencia sempre o equilíbrio necessário que nunca falha, pois fala àqueles que escutam, acerca do que fazer e do que não fazer á um ou aos seres que escolhem evoluir. Os administradores dos vossos governos são responsáveis pela ordem profissional, mas não pelos vossos códigos morais de ordem. A chave para a vossa felicidade, está nas mãos das vossas próprias consciências. Nós temos percebido que vocês, humanos terrenos, não têm vivido de acordo com vocês mesmos, mas de acordo com os outros. Os vossos desapontamentos são devidos á este fato. Este tipo de conduta é o que está  limitando a vossa raça. Cada um de vocês é uma alma livre, uma consciência livre. Ninguém é o servente ou escravo de outro. Apesar dos ocultos vos terem feito acreditar o contrário. O respeito mútuo é imperativo para poder curar a vossa raça e o vosso planeta. A nossa ajuda está  sendo estendida a vocês se assim o desejarem, porque vocês estão genéticamente ligados à nossa raça. Gostaríamos de estar aí convosco durante os vossos tempos difíceis. Atualmente o vosso planeta e a vossa raça estão sendo destruídos pela vossa ignorância. O objetivo é recuperar os genuínos seres humanos perdidos nas profundezas do vosso interior e tentarem sempre ser Um com vocês mesmos.”
Em 1998 ,Morenae fez referência à data 3 de Dezembro de 2013, pois foi a data que os Andromedianos sentiram que, no nosso calendário, iria  começar a ocorrer uma mudança para a 5ª densidade: “Todos nós, independentemente da nossa forma ou da evolução dimensional, vivemos uma consciência ilimitada. Parece que tudo evolui sempre em ciclos. Agora após a cegueira de 5725 anos, vocês e a vossa Terra estão prestes a regenerar-se. Será uma mudança tão sem precedentes que para muitos será difícil apreenderem o seu próprio potencial. Será o ponto de viragem no vosso mundo e que nenhum dos 4 pais do vosso planeta tiveram o privilégio de experimentar.”
OS ANDROMEDIANOS E A QUESTÃO DOS RECURSOS FINANCEIROS
Alex Collier diz que somos o único planeta, que ele saiba, que usa dinheiro. Ele até teve uma experiência em que Moreane e Vissaeus pediram para ele lhes explicar porque é que nós usamos dinheiro, ao que eles se referem a papel com imagens. Vissaeus disse: “eu não compreendo como é que vocês têm de pagar para viver no planeta no qual nasceram”.As civilizações extraterrestres desistiram dos governos do mundo há muito tempo, pois perceberam que estes não estão interessados no seu discurso.A Terra tem sido um experimento de há muito, muito tempo. Toda a forma de vida que existe na terra veio de outros planetas, sistemas solares e até de outras galáxias. Na maioria dos casos, a maioria da vida no nosso planeta foi modificada genéticamente para viver no nosso ecossistema. Muitas das criaturas que temos na Terra podem ser encontradas em outros sistemas solares, em outros planetas compostos por metano, planetas compostos por hidrogênio, por carbono, e até de outros componentes químicos que ainda não descobrimos e em que estas formas de vida vivem. Quando os viajantes viajam pelo espaço, eles vão recolhendo DNA e depois iniciam experiências e tentam recriar estas formas de vida. Tal como nós o começamos a fazer agora. Isto não é novo, as civilizações têm-no feito desde sempre. A Terra é absolutamente magnífica, mas várias raças extraterrestres não entendem como é que nós, como raça, permitimos que os nossos governos usem tecnologia que sabem ser maligna para o planeta…
( ALEX COLLIER – Conferência ‘Earth Transformation’ Maio 2008)
LEIA MAIS;
*****************************************************************************************************************
CONCLUSÃO E NOTA DO BLOG
Usando o Telescópio Espacial Hubble, Eva Grebel e Andrew Koch, da Universidade de Basel, na Suíça descobriram que nove dos quatorze satélites da galáxia  de Andrômeda residem em um único plano. O plano é de cerca de 52.000 anos-luz de largura e está alinhado perpendicularmente ao próprio plano galáctico de Andrômeda, em que estrelas da galáxia orbitam em torno do centro;descobriram que quase 80 % da massa da galáxia -satélite de Andrômeda está localizada dentro de um único plano, o que é altamente incomum e não podem ser explicados por teorias tradicionais de formação de galáxias, disse Grebel.A descoberta foi anunciada recentemente em uma reunião da Sociedade Astronômica Americana.Na Via Láctea foi encontrado dois planos semelhantes de galáxias satélites no final de 1980, mas sem nada então para compará-los;os astrônomos não poderiam dizer se esses planos eram uma propriedade geral da formação da galáxia ou se eram apenas um acaso estatístico.Uma das questões em aberto era sempre ;Será que esses planos de galáxias satélites existem em torno de outras galáxias?Os pesquisadores não têm certeza do que poderia ser responsável pelo alinhamento estranho, mas eles ofereceram dois cenários possíveis;Talvez há muito tempo, Andrômeda “engoliu” uma galáxia próxima em sua órbita, mas fez um trabalho digamos “mal feito”; as “migalhas galácticas”  da “refeição” se tornaram galáxias anãs satélite de Andrômeda. Os casos de canibalismo galáctico são comuns e são acreditados que sejam  um papel importante na formação de galáxias;Outra possibilidade intrigante é que as galáxias satélites estão realmente incorporadas em um fluxo de matéria escura “hipotética” que preenche o espaço entre dois objetos massivos.O plano que contém galáxias satélites de Andrômeda aponta para dois desses objetos: M33, uma galáxia espiral localizada 0,7 milhões de anos-luz de distância de Andrômeda e M81, um grupo de cerca de 30 galáxias que é de 11 milhões de anos-luz de distância.Pode ser que as galáxias satélites são gravitacionalmente atraídas para esses fluxos de matéria escura e aglutinação em torno delas, dando a aparência de estar alinhado ao longo de um único plano.E o que podemos deduzir de tudo isso?Que muita coisa ainda nem sequer descortinamos e se nem podemos afirmar com certeza como essas constelações/galáxias/nebulosas se formam, como podemos afirmar que não há vida nelas?Civilizações com seres humanos ou não, organizadas ou não, tecnológicamente avançadas ou não, não temos condições mais de negar a vida, apenas não sabemos ainda ao certo de que maneira ela se apresenta.A única forma que podemos atestar isso , são as evidências descritas por pessoas nos avistamentos de Òvnis, nos contatos de terceiro grau,muitos com provas irrefutáveis, como a tecnologia ocultada em áreas governamentais(área 51,por exemplo) e os testemunhos de grupos de pessoas -sejam cidadãos comuns, os dissidentes-injustamente chamados pelos governos de “delatores”- ou pessoas que apresentaram quadro médico de anomalias estranhas após contato extraterrestre.
Continuamos nos maravilhando com esse Universo ainda tão desconhecido para nós, com suas leis,algumas mutáveis, outras imutáveis e algumas insuspeitas;com suas raças, algumas conhecidas, outras desconhecidas e ainda outras que já interagem conosco,pois estão no nosso próprio código genético.Tudo isso nos aproxima cada vez mais do que somos na realidade e não do que nos ensinaram;uns por ignorância,outros para nos manipular e ocultar por motivos de dominação e poder Mas agora, com a Transição Planetária ,aliada á ciência e seus desdobramentos ,ao depoimento de muitos estudiosos e canalizadores sérios e todo o contexto extraterrestre no planeta,podemos afirmar o quanto o Universo é desconhecido e ao mesmo tempo maravilhoso e a nossa relação com ele é muito maior que com o nosso planeta, que é apenas uma “casa” a mais para a evolução dos zilhões de seres, nossos irmãos genéticos e espirituais,também no caminho de volta  para a Fonte.Quem sabe, quando atingirmos um nível conscencial adequado, não seremos nós, os seres que irão ajudar outros mundos a chegar aonde estamos hoje.Estaremos no papel destes mesmos seres que hoje se preocupam com a nossa sobrevivência.Assim esperamos.
EQUIPE DA LUZ É INVENCÍVEL 
***********************************************************************************************************
Bibliografia para consulta
Sacred Ground
Alex Collier
 Andrômeda’s Satellite Galaxies
 http://www.space.com/1943-strange-setup-andromeda-satellite-galaxies-lined.html
 Mysterious stars surround Andromeda’s Black Hole
 http://www.space.com/1573-mysterious-stars-surround-andromeda-black-hole.html?li_source=LI&li_medium=most-popular
 Departamento de Astronomia da USP
 Instituto de Astronomia,Geofísica e Ciências Atmosféricas
Divulgação: A Luz é Invencível